•  
     

Montando uma rede Gigabit Ethernet



Com ela, você pode transferir dados à taxa nominal de 1 000 Mbps, dez vezes a taxa-padrão..

1. O QUE É PRECISO
O ideal é usar dois micros Pentium 4 com placas-mães que já trazem embutido um adaptador Gigabit. Há duas vantagens. Primeiro, usar sem custo as placas já existentes; depois, aproveitar características dessas placas, que são otimizadas para transferir dados no padrão Gigabit. Se você não tem micros Pentium 4 desse tipo, é possível agregar placas de 1 000 Mbps ao sistema. Mas, nesse caso, a placa de rede opera via barramento PCI, que pode não estar preparado para conexões Gigabit. Isso causará perda de desempenho.

2. CABO DE REDE
O cabo de rede Ethernet tem quatro pares de fios. O padrão Fast Ethernet (100 Mbps) usa dois desses pares e mantém os outros sem utilização. No Gigabit, o cabo é idêntico, mas os dois pares sem uso são postos em atividade. Assim, é possível usar o mesmo cabo RJ-45 da rede 10/100 para ligar os micros a 1 000 Mbps. No padrão Gigabit, não é necessário usar um cabo cross. Use um de conexão direta.


3. MONTAGEM
Se você tem dois micros com placa Gigabit embutida, basta conectá-los com um cabo de rede. Em nossa montagem, usamos um micro Celeron 2,4 GHz, com 512 MB de RAM, baseado numa placa-mãe P4P800, da Asus, que inclui uma placa de rede Gigabit. O segundo micro é um Athlon 2400, também com 512 MB de memória, ao qual foi agregada uma placa Gigabit TrendNet TEG-PCITX. Nos dois PCs, o sistema é o Windows XP. Instale a placa de rede num slot PCI livre. Ligue as máquinas, ainda sem conectá-las. O Windows vai reconhecer o novo hardware e instalar o driver.

Ligue os PCs com o cabo Ethernet e configure a rede. Num dos micros, acione Iniciar/Todos os Programas/ Acessórios/Comunicações/Assistente para Configuração de Rede. Execute o assistente no outro PC. Defina, em cada micro, pastas franqueadas ao outro: clique com o botão direito na pasta escolhida e, no menu, escolha Compartilhamento e Segurança. Na orelha Compartilhamento, marque a caixa Compartilhar Esta Pasta na Rede. A conexão será feita a 1 GBps.

4. VELOCIDADE
Em nossa montagem, a transferência de 15 arquivos, somando 35 MB, foi feita a 11,7 MB/s. Ao copiar um conjunto de 118 pastas e 6 500 arquivos, num total de 504 MB, a velocidade foi de 3,6 MB/s. Para estabelecer o contraste, o micro Celeron foi ligado a outro PC a 100 Mbps. Nessa rede, os mesmos 504 MB foram transferidos a 2 MB/s. Os números variam com a eficiência da conexão e dos HDs.


Fonte: infodicas.com
Página inicial